De Repente 30

Conflitos e Indecisões

08:49:00 Fernanda Gumz 0 Comments


Me inscrevi para o curso de hipnose, estou empolgada. Já paguei a entrada e agora é só aguardar. O curso que eu farei será do dia 6 ao dia 10 de julho. Estou bem curiosa para saber como vai ser, e mais curiosa ainda para aplicar a técnica nos meus pacientes, tenho uma ideia básica do que é hipnoterapia, mas não faço ideia de como é a aplicação em si, a prática e todo o processo, espero que supra minhas expectativas. Vai ser bom mais um curso para acrescentar meus conhecimentos e mais um curso para poder me ajudar ajudar que precisa. Se você não sabe o que é hipnoterapia clique nesse link.
Havia também me inscrito para um concurso que aconteceria aqui na minha cidade,  era para ser em maio a prova, mas foram canceladas. Tinha tudo planejado, datas etc. Mas com a mudança, deu ruim, porque vai cair no fim de semana da pós e do dia dos namorados, também tinha tudo planejado para esse dia. Agora se eu faltar na pós nesse módulo, não posso faltar de novo em julho (o curso de hipnose também cai em um fim de semana que tem pós) ou seja, ferrou mesmo. Ou eu deixo de fazer o concurso, ou eu deixo de ir na hipnose ou eu falto dois fim de semana nesse módulo e simplesmente recupero a aula quando abrir outra turma. Torcer então para que abra, do contrário não tiro meu diploma. Conflitos com as minhas escolhas, pois bem por mim mesma é fácil escolher, o problema é satisfazer todo mundo a minha volta e ainda não brigar e nem deixar ninguém triste ou pensando mal dessas escolhas, sinceramente, por mim não faria o concurso, as chances de eu passar não são grandes, mas minha mãe quer porque quer que eu faça o concurso. Quero ir viajar, fazer outro intercâmbio mas minha mãe não quer que eu saia do país, quero ir achar um job em Cwb, mas minha mãe não quer que eu saia de casa. Tem alguma coisa errada aí não é mesmo?
Eu estou me sentindo muito mal de estar em casa, e nem me sinto confortável com isso, na verdade me sinto super estranha e não sinto que é a minha casa, eu fico me vigiando o tempo todo para não fazer nada errado e tenta suprir o que meus pais esperam de mim, ou seja, não me sinto eu mesma. Alguém já passou por isso? Eu sei que por mais que eles não falem nada eles cobram de mim algo que eu não estou dando para eles. Minha mãe quer porque quer que eu fique em casa mas esteja trabalhando aqui na cidade e eu só quero um emprego em qualquer lugar do mundo mentira em um lugar específico do mundo na verdade. O problema é que, por mais que meus pais falem que me apoiam eu sei que por dentro eles não apoiam sabe? Só quero que eles digam que vai dar tudo certo independente que qualquer coisa, mas a única coisa que eles fazem é colocar conflito sabe? Aí fica mais difícil, eu fico insegura, com medo que de errado, não quero deixar eles se sentindo triste. Só que quando eu falo que as chances de eu passar em um concurso não são tão altas aí não, aí minha mãe diz que eu to pensando negativo, que não posso pensar assim, e blá blá blá, mas então porque quando eu digo que vou para outro intercâmbio é ela que coloca conflito, tentando achar milhões de razões para eu não ir viver meu sonho. Poxa meio egoísta não é mesmo? Está aí algo que eu não consigo ser: Egoísta. Talvez por isso que eu ainda estou aqui esperando a minha vida acontecer, afinal de contas quando não fazemos nada não magoamos ninguém né?
Eu amo minha família e por isso que eu também fico presa a isso, a não ir para longe deles, mas há certa influencia deles para isso também é claro. Uma hora eu vou, só não sei quando, e espero que eles estejam errados, espero que dê sim tudo certo quando eu escolher ir atrás do que eu acho que vai realmente me fazer feliz...


You Might Also Like

0 comentários: